20 de jun de 2016

[Divulgação] Exposição Osmar Santos em prol da Campanha #AdoteUmPetComDeficiencia

No período de 20 a 26 de junho, o Piola será a sede da exposição das Obras de Osmar Santos, cuja verba será revertida para a ONG APASFA, que mantém a Campanha #AdoteUmPetComDeficiencia. 

Fique por dentro da agenda:
  • 20.06, das 20h às 22h - coquetel de abertura;
  • 23.06, das 18h as 01h, parte da renda obtida com a venda de pizza no jantar será revertida para a ONG.

O Piola Jardins, esta localizado na Alameda Lorena, 1765, em São Paulo.

Engajada na defesa animal há mais de 10 anos, Vanessa Mesquita, madrinha do #AdoteUmPetComDeficiência, além de receber o artista Osmar Santos no dia 23, que expõem suas obras no Piola em prol da Campanha, vai apresentar a linha de acessórios #EuAjudei, que também tem a verba revertida para ajudar os Pets.
"Adotar um pet com deficiência é acreditar em dias melhores, em humanos melhores, estou de corpo e alma nessa luta, o amor supera qualquer deficiência", declara.

Sobre a Piola
Na PIOLA, a mais genuína tradição italiana de alimentos simples e gostosos casa inteligentemente com uma atenção particular (personalizada) dirigida ao cliente moderno e exigente, que não por casualidade escolhe a PIOLA, consciente de que se sentir em casa vale tanto quanto comer bem.

Pessoas de idade, classes sociais, profissões e estilos de vida profundamente diferentes se encontram na PIOLA, todos com a certeza de encontrar seu próprio espaço num ambiente sempre em equilíbrio com o bom gosto.

A cozinha que a PIOLA oferece é completamente italiana: saudável, simples e gostosa, que respeita as características que fizeram famosa a dieta mediterrânea em todo o mundo.

Sobre a Campanha #AdoteUmPetComDeficiencia
O objetivo da campanha, idealizada por Livia Clozel, e junto com os Defensores de Animais, Luiz Scalea e Giuliana Stafanini, do Proteção Animal, é uma só: criar um evento especialmente para Pets com Deficiência e Especiais, gerando a oportunidade única de unir outras ONGs e protetores e promover a adoção de seus Pets, uma vez que eles tem o menor indice de obterem um lar.

Todos os Pets para adoção devem ser cadastrados, vacinados e vermifugados. Após isso, entram para a seleção dos que vão participar de cada evento.

O objetivo é quebrar preconceitos, conscientizar e promover a adoção consciente, gerando conhecimento sobre o assunto e criando um elo entre as pessoas que desejam ter um companheiro de quatro patas que estão esperando por uma família.

Neste caso, o índice de adoção é minimo. A maioria dos Pets com deficiência participam de inúmeros eventos durante e acabam não sendo adotados, desta forma, acabam passando toda a vida, ou até a morte, no respectivo abrigo.

Em um evento de adoção convencional, 90% dos filhotes são adotados. Esta realidade é inversa e chega ao indice de +90% de não adoção aos Deficientes e Especiais.

São considerados Pets com Deficiência todos aqueles que apresentam problemas motores, mentais, renais, amputados, paraplégicos, cegos, que tomam medicações constantes, necessitam de tratamento periódico etc.

Os Pets Especiais são os de cor preta, a partir de 6 meses à idosos, que por sua vez que têm menor índice de adoção.

A  Campanha prova que um pet com deficiência tem uma vida normal: muitos deles não precisam sequer de acompanhamento médico por conta da deficiência, e todos são grandes companhias! Sem contar que, na verdade, o preconceito é que é uma deficiência e impede a adoção absoluta de qualquer tipo de animal!

Mais em https://web.facebook.com/adoteumpetcomdeficiencia/

Sobre a Luiz Proteção Animal

Há mais de 25 anos dedicada à causa de proteção animal, seu trabalho é apoiado nos seguintes pilares:
-       Fiscalização de maus tratos a animais;
-       Cursos e palestras sobre leis de proteção animal;
-       Resgates e esterilização de animais vítimas de maus tratos e abandono;
-       Feiras de adoção para recolocar animais abandonados em lares dignos;
-       Conscientização sobre posse responsável e direito dos animais;
-       Palestras em escolas com apresentação do nosso gibi educativo: "Luizinho e a Turma da Proteção Animal";
-       Participação em diversos meios de comunicação visando divulgar os direitos dos animais.
       
Luiz Proteção é representante da APASFA (Associação de Proteção Animal São Francisco de Assis).

17 de jun de 2016

[Divulgação] Seria o amor o mais perigoso dos jogos?


Livro Riscos no Amor, da manauara Josy L. Dias, retrata as dificuldades de amar alguém em quem não se pode confiar

A Editora Pandorga e a autora manauara Josy Dias convidam você para o lançamento do romance Riscos no Amor, que ocorrerá no dia 18/06, sábado. A sessão de autógrafo ocorrerá às 19 horas na livraria Sariava Mega Manaus do Shopping Manauara, localizado na Av. Mario Ypiranga Monteiro, 1300.
 
Poderia uma princesa de Nova York se apaixonar pelo maior cafajeste de todos os tempos? Riscos no Amor é o livro que vai responder a essa pergunta. Escrito pela autora Josy L. Dias, o enredo baseia-se na alta sociedade nova-iorquina e em suas extravagâncias.

            Na obra, a jovem arquiteta Elizabeth Ann Willams, uma mulher com fortes convicções sobre como se deve amar alguém, viaja à Cancún para o casamento da mãe com o famoso empreendedor irlandês Arthus Blinner III. Em meio às comemorações, ela conhece o filho mais novo do empresário, Brady Blinner.

            Convicto mulherengo, Brady nunca teve sentimentos matrimoniais pelas mulheres. Isso até ele conhecer Elizabeth, que nega veemente a atração que sente por ele, intrigando e instigando o rapaz a querer conhecê-la ainda mais.
Meu corpo estava em chamas e, só de sonhar com ele, eu estava a ponto de romper com tudo o que eu acreditava, para ir atrás do lobo, não do príncipe. Ele me fazia perder o juízo do certo e errado. Eu não podia mais pensar em ficar perto dele. Que semana seria essa? Onde eu fui me meter?.”

            Em meio a tantos riscos, Liza será capaz de se deixar envolver por um homem incerto? Ou deixará de viver um grande amor para proteger o coração, as morais e a honra? Com uma escrita rápida, o romance Riscos no Amor proporciona ao leitor um vislumbre da elite norte-americana, de intrigas internacionais e, acima de tudo, de uma paixão avassaladora.
Sobre a autora: Josy L. Dias ama livros, adora ficar horas perdida em meio a histórias e romances, onde, a cada dia, se apaixona mais pelo mundo particular que cada livro oferece. Escrever histórias e criar personagens a completa, pois assim ela consegue demonstrar o que deseja e imagina através das palavras. Ela nasceu em Manaus, em meio a Floresta Amazônica, onde mora com o marido e um casal de filhos. Amar a natureza e os animais é um dos fatores pelo qual adora a sua cidade e tem orgulho de tudo o que ela representa.

15 de jun de 2016

II Planeta de Leitores em São Luís com Bruno Miranda


Vem Julho! Vem Julho! :)
O primeiro encontro do Planeta de Leitores no Maranhão foi um sucesso - reveja cobertura aqui e vídeo final aqui! E o segundo tem tudo para bombar também ^^ 
O autor convidado da vez é o youtuber Bruno Miranda, com seu romance de estreia, Azeitonalivro-tema do bate-papo literário. Em breve a programação será liberada; por enquanto temos a confirmação de data: 16/julho - e será no mesmo local e horário, Livraria Leitura do São Luís Shopping, às 15h #savethedate
Estão mais do que convidados, estão intimados! Segue o link oficial do evento <3
Sobre o autor
Bruno Miranda estreou como booktuber em 2012, com o canal Minha Estante, tornando-se referência no gênero. Em 2015, passou a se dedicar exclusivamente ao canal Bubarim, de conteúdos humorísticos sobre cotidiano e cultura pop, que hoje tem mais de 100 mil inscritos, e no qual pôde juntar suas paixões: atuar e escrever roteiros. Azeitona é seu primeiro romance.
Sinopse do livro
Ian e Emília não trocaram mais que duas palavras desde que começaram a estudar juntos, mas é o nome dela que vem à mente dele quando precisa de uma parceira para um plano mirabolante: participar de um reality show sobre casais adolescentes que vão ser pais. Isso em troca de um cachê capaz de resolver todos os seus problemas.
Ian tem dezesseis anos e foi criado pela irmã, Iris, que precisou abrir mão de oportunidades na vida para cuidar dele. Agora, quando ela finalmente vai conseguir se formar na faculdade, ele se sente na obrigação de retribuir de alguma maneira.
Emília, aos dezessete anos, não quer retribuir nada a ninguém – pelo contrário, seu sonho é sair de casa o quanto antes para não discutir mais com a mãe, com quem sempre teve uma relação conturbada.
O fato de que eles não são um casal nem têm planos de ter um bebê de verdade parece apenas um detalhe. Mas a vida reserva surpresas, nem sempre boas, para quem acredita que é fácil inventar a própria história.
O romance de estreia de Bruno Miranda, criador do canal Bubarim, no Youtube, é uma história divertida e tocante sobre relacionamentos familiares.
Adicione o livro no seu skoob!
Ouça a leitura do primeiro capítulo interpretada pelo próprio autor :)

Sobre o Clube do Livro Maranhão
O Clube do Livro Maranhão é um projeto sem fins lucrativos que reúne cidadãos da comunidade leitora maranhense em encontros culturais, como eventos literários, seminários, oficinas e outros, com o objetivo de proporcionar oportunidades de desenvolvimento sociocultural através de um intercâmbio de conhecimento; recentemente, inclusive, foi certificado como Ponto de Cultura pelo Ministério da Cultura (MinC). Na confraternização com os leitores, o Clube agrupa um público de jovens e adultos antes dispersos, de modo que incentiva, impulsiona e integra diversas atividades culturais a partir da leitura e entretenimento – como o cinema, as artes plásticas, as artes cênicas, além de toda disseminação e divulgação de obras literárias, artísticas e culturais.
Planeta de Leitores MA
Dia: 16/jul
Local: Livraria Leitura – do São Luís Shopping
Horário: 15h às 17h - Entrada Franca

Se vai ter cobertura do Dear Book? Claro e com certeza!



Acompanhe pelas redes sociais para ficar por dentro
#clubedolivroma #planetadeleitores
#planetadeleitoresma #maranhãodeleitores

Curta o Clube do Livro - MA no Facebook
Siga o @ClubedoLivroMA no Twitter e Instagram

14 de jun de 2016

[Divulgação] Uma batalha verídica contra a escoliose

Bom dia, caçadores!
Gostei muito da divulgação hoje, afinal também tenho escoliose e sei como esse desvio pode prejudicar e muito as nossas atividades rotineiras.
E quando a Lilian Comunica enviou o release, lógico que seria publicado.

Quando o céu se apaga relata a história da autora maceioense Mirian Vidal, em uma luta eterna contra a doença, e a aceitação de que é possível sim, ser muito feliz e aproveitar o melhor da vida...
“Sou deformada. Eu estou aqui, e minha coluna, no Japão, e se você estiver lendo isso no Japão, tenha certeza de que minha coluna estará no Brasil. Meu corpo era meu inimigo. Minha doença iria me consumir até eu perder todos os movimentos. Não havia como corrigir a coluna, apenas esperar que ela evoluísse. A coluna era uma bomba acionada para apagar todos os meus órgãos.” (p. 18)
Baseando-se na própria história, a publicitária Mirian Vidal escreveu o livro Quando o céu se apaga, uma narrativa encantadora que demonstra o dia-a-dia de uma pessoa com escoliose, e a superação e aceitação da doença e do próprio corpo.
A autora revela nas páginas do livro os sentimentos que teve quando descobriu a doença, recebeu o diagnóstico de que não teria cura e não seria possível realizar a cirurgia de correção da coluna. E, no meio disso tudo, ela encanta os leitores com a mensagem sincera de otimismo pela vida.
A história gira em torno de uma personagem anônima, que não tem a identidade revelada até o final da obra. Logo no início, a jovem garota percebe que era diferente das outras crianças. Enquanto as amigas cresciam e desenvolviam figuras bonitas e femininas, a personagem nota que o próprio corpo permanece pequeno e amassado.
“Só que a única coisa que eu queria era sair daquele lugar, ser uma adolescente, com corpo de adolescente...” (p. 74)
Conforme cresce, a heroína relata aos leitores todos os lados da escoliose, seja no pensamento e preocupações da família, na forma como ela se sente no próprio corpo doente e como as outras pessoas olham – com pena, desprezo ou nojo – para a personagem.
Agora as coisas começavam a fazer sentido. Entendi que aspessoas não me olhavam apenas porque eu estava na cadeira derodas, entendi porque não tinha amigos na escola, entendi porque a Suelen me olhava com aqueles olhos de desprezo e uma espécie de nojo. Os olhares assustados que me acompanhavam agora faziam todo o sentido. [...]Eu própria estava assustada com o que via na minha frente. Alguém tão pequeno, amassado. Era o mesmo terror que ver um carro totalmente destruído na estrada, a única diferença é que eu não tinha um acidente para justificar aquela imagem. Parecia que a cada dia que eu ia dormir, algo no meu corpo se revoltava.” (p. 117)
            Afinal, ela precisa aceitar que cada dia é um desafio. Cada noite é uma superação e toda vida é valiosa. Por mais ínfimos que sejam os momentos, a vida é baseada em sentimentos, lembranças e sensações. Afinal, como a própria autora expõe na obra, “Eu viveria aquele dia. Eu enfrentaria muitas outras batalhas. Eu seria famosa por conta de todas aquelas guerras. Mas naquele instante. Eu esqueceria o passado. Eu esqueceria o futuro. Eu viveria o presente. Intensamente”.
Sobre a autora: Mirian Vidal nasceu em 1989, na cidade de Maceió - AL, mas, atualmente, vive em São Paulo. É formada em Publicidade e Propaganda e escreve contos desde seus 7 anos. Quando o céu se apaga é seu primeiro livro e começou a escrevê-lo para presentear uma amiga, sem nenhuma intenção de publicá-lo. Viveu algumas das coisas que escreveu e fantasiou outras. É apaixonada pela sua família, por seus amigos, livros, conversas, cinema e música de desenhos animados.

Ficha técnica:Quando o céu se apagaFormato: 14x21 cm
Páginas: 256
ISBN: 978-85-8442-116-9
Preço: R$ 29,90

12 de jun de 2016

[Divulgação] Dia dos Namorados: livro infantil traz história de ratinha que procura grande amor

Ah o amor!!!!
Hoje é o dia de todo mundo ver a cor rosa e nada melhor que uma leitura para as crianças também aproveitarem essa data, não é mesmo?

Em A Ratinha Cor-De-Rosa Do Rabinho Azul-Escuro traz a trajetória de Filó Filomena da Gema, uma ratinha cor-de-rosa com o rabinho azul-escuro que tem um sonho. Ela sonha com seu ratinho encantado: ele é amarelo com rabinho azul-escuro.

Página após página, vários pretendentes aparecem de tudo quanto é jeito — colorido, de bolinha, de brinco, aventureiro, motoqueiro... até mesmo um meio pirado — todos querendo pedir a mão de Filó em casamento. A ratinha nem dá bola, nem mesmo quando surge o mais bonito de todos. Apesar disso, a ratinha persevera em seu sonho, e a partir de então, ela pede ajuda ao rei Leão para encontrar o rato dos seus sonhos.

Ninguém põe muita fé de que um dia esse "ratinho encantado” apareça, mas ela continua acreditando. Além de contar uma história de amor, o livro aborda temas como afetividade, diversidade cultural e perseverança.

Ficha Técnica
Editora Mundo Mirim
Ilustração:
Claudia Cascarelli e Marco Godoy
Autor:
Jonas Ribeiro
I.S.B.N.:
978-85-617-3010-9
Formato: 22x20
Indicação:
Pré-leitor (até 6 anos)
Número de Páginas:
32 págs
Preço:
R$ 27,90

Sobre o escritor: Escritor e contador de histórias, Jonas Ribeiro vive inventando um jeito de aproximar as pessoas dos livros e da literatura. Visitou um bocado de escolas e escreveu um outro tanto de livros.
Sobre o ilustrador: Marco Godoy nasceu em São Paulo. Além de ilustração e pintura, faz direção de arte, design gráfico e divide com Claudia Cicarelli os projetos do estúdio A Caixa Mágica.
Sobre a ilustradora: Claudia Carcarelli nasceu em São Paulo e desde criança cultiva seu olhar para as artes. Na sala de aula, atuando como arte-educadora, faz seu aperfeiçoamento constante. Junto com o artista plástico Marco Godoy, desenvolve materiais lúdicos como fantoches, bonecos, baús e também projetos especiais no estúdio A Caixa Mágica.
Sobre a Editora: A Mundo Mirim é uma editora voltada ao público infantil e juvenil cujas publicações para crianças e adolescentes têm o intuito de estimular o prazer de ler, fazer um apelo à imaginação e trazer à tona as grandes ideias que uma boa leitura desperta. Além disso, como a infância é uma fase de constante aprendizado, alguns livros também permitem abordagens didático-pedagógicas, um diferencial que amplia as possibilidades de aproveitamento das obras.
Editora mundo mirim na web:
www.mundomirim.com.br
www.twitter.com/mundomirim
www.facebook.com/EditoraMundoMirim
www.youtube.com/editoramundomirim

11 de jun de 2016

[Divulgação] Cinco romances policiais que todo mundo deveria ler

O romance policial é um gênero literário caracterizado pela presença do crime, da investigação e da revelação do malfeitor. Neste tipo de divulgação literária o foco remete para o processo de elucidação do mistério, empreitada geralmente a cargo de um detetive, seja ele profissional ou amador ou a um policial. A essência da narrativa é a busca pela identidade desconhecida e da resolução dos fatos. Esse tipo de romance demonstra que não pode haver crime perfeito, logo, não há lugar para a impunidade. Aproveitando que o dia dos namorados está chegando, a Renata do grupo Virta Comunicação Corporativa separou uma lista com cinco romances policiais que todo mundo deveria ler.

cid:image001.jpg@01D1B5DF.D5C24C30Os amantes de Hiroshima, de Toni Hill
A obra, que encerra o arco que se iniciou com os livros O verão das bonecas mortas (Tordesilhas, 2013) e Os bons suicidas (Tordesilhas, 2014), acompanha o inspetor Héctor Salgado e sua equipe na missão de reconstruir o passado e desvendar os crimes que lhes chegam às mãos. A trama se inicia com uma cena intrigante: no porão de uma casa abandonada, policiais encontram dois mortos envoltos em uma mortalha de flores. Abraçados, eles foram ali sepultados junto com uma grande quantia de dinheiro. A polícia suspeita que estes sejam os corpos de um casal de namorados desaparecidos há sete anos. Hector e sua equipe são, então, encarregados da investigação, que se mostra um quebra-cabeça cercado de pistas e que leva o inspetor a mergulhar no mundo de jovens cheios de sonhos perdidos e num universo familiar repleto de segredos e dores.

https://static.omelete.uol.com.br/media/extras/conteudos/42894046.jpgA garota na teia de aranha, de David Lagercrantz
 A hacker Lisbeth Salander e o jornalista Mikael Blomkvist precisam juntar forças para enfrentar uma nova e terrível ameaça. É tarde da noite, e Blomkvist recebe o telefonema de uma fonte confiável, dizendo que tem informações vitais aos Estados Unidos. A fonte está em contato com uma jovem e brilhante hacker — parecida com alguém que ele conhece. Blomkvist, que precisa de um furo para a revista Millennium, pede ajuda a Lisbeth. Ela, porém, tem objetivos próprios. Em 'A Garota na Teia de Aranha', a dupla que já arrebatou mais de 80 milhões de leitores com 'Os homens que não amavam as mulheres', 'A menina que brincava com fogo' e 'A rainha do castelo de ar' se reencontra em um thriller explosivo.


http://og.infg.com.br/in/17073040-968-038/FT460A/2015-836957945-a-garota-no-trem.jpg_20150729.jpgA garota no trem, por Paula Hawkins
Todas as manhãs Rachel pega o trem das 8h04 de Ashbury para Londres. O arrastar trepidante pelos trilhos faz parte de sua rotina. O percurso, que ela conhece de cor, é um hipnotizante passeio de galpões, caixas d’água, pontes e aconchegantes casas. Em determinado trecho, o trem para no sinal vermelho. E é de lá que Rachel observa diariamente a casa de número 15. Obcecada com seus belos habitantes – a quem chama de Jess e Jason –, Rachel é capaz de descrever o que imagina ser a vida perfeita do jovem casal. Até testemunhar uma cena chocante, segundos antes de o trem dar um solavanco e seguir viagem. Poucos dias depois, ela descobre que Jess – na verdade Megan – está desaparecida.
Sem conseguir se manter alheia à situação, ela vai à polícia e conta o que viu. E acaba não só participando diretamente do desenrolar dos acontecimentos, mas também da vida de todos os envolvidos. 
Uma narrativa extremamente inteligente e repleta de reviravoltas, A garota no trem é um thriller digno de Hitchcock a ser compulsivamente devorado.

http://img.travessa.com.br/livro/BA/22/221bfed4-86e2-405a-b99b-895803c4750e.jpgHereges, por Leonardo Padura
O ponto de partida da obra é um episódio real: a chegada ao porto de Havana do navio S.S. Saint Louis, em 1939, onde se escondiam 900 refugiados vindos da Alemanha. A embarcação passou vários dias à espera de uma autorização para o desembarque. No romance, o garoto Daniel Kaminsky e seu tio, aguardavam nas docas, trazendo um pequeno quadro de Rembrandt que pertencia à família desde o século XVII e que esperavam utilizar como moeda de troca para garantir o desembarque da família que estava no navio. No entanto, o plano fracassa, a autorização não é concedida, e o navio retorna à Alemanha, levando também a esperança do reencontro. Quase setenta anos depois, em 2007, o filho de Daniel, Elías, viaja dos Estados Unidos a Havana para esclarecer o que aconteceu com o quadro e sua família. 
http://images.livrariasaraiva.com.br/imagemnet/imagem.aspx/?pro_id=8895767&qld=90&l=430&a=-1Que fim levou Juliana Klein?, por Marcos Peres
A morte de uma professora de filosofia revela a rivalidade – a princípio, filosófica – entre duas famílias proeminentes nas duas principais universidades do Paraná. A história é narrada por um psicólogo que conversa com uma misteriosa paciente, alocada no quarto 206 de uma clínica psiquiátrica. Seria possível que o assassinato tivesse como causa desavenças acadêmicas entre os Koch e os Klein, ambos clãs que migraram da Alemanha para o Sul do Brasil? Ou teria algo a ver com um segredo enterrado no passado? 
Em meio a discussões sobre Nietzsche e Santo Agostinho, somos conduzidos pelos meandros desse mistério por um dos escritores mais promissores da nova geração.

 O que acharam? Gostaram da seleção? Querem fazer alguma indicação? Comentem nos comentários.
Até a próxima!

10 de jun de 2016

[Divulgação] Você sabe o que é um namoro blindado?

Imagine acordar um dia e descobrir que se casou com a pessoa errada. Ou perder o seu grande amor porque você estragou o relacionamento com suas próprias mãos. Ou não perceber aquela pessoa especial quando ela passar por sua vida. Para quem não quer gastar o resto da vida lamentando uma péssima decisão, Namoro Blindado é leitura obrigatória.

Neste novo livro, o casal Renato e Cristiane Cardoso (autores de Casamento blindado, livro que permaneceu por mais de dois anos nas listas de mais vendidos do Brasil) demonstra que, independentemente da fase da vida de solteiro — se está só, esperando, paquerando, ficando, namorando, catando os pedaços do coração, divorciado, viúvo ou enrolado —, é possível se situar para não se perder no mundo cada vez mais complicado dos relacionamentos modernos.
Anos de experiência garantiram a Renato e Cristiane autoridade para afirmar que a maioria dos divórcios começa... no namoro! Namoro blindado é o manual para qualquer idade, da adolescência aos solteiros mais maduros. Afinal, nunca é cedo (nem tarde) demais para aprender o amor inteligente.

Ficha técnica:
Editora Thomas Nelson Brasil
Namoro Blindado - O seu relacionamento à prova de coração partido
ISBN: 9788578607654
Tamanho: 15,5X23
Páginas: 320
Preço: R$ 34,90
Sobre os autores: Renato e Cristiane Cardoso tornaram-se referência em todo o Brasil em educação familiar e matrimonial. Autores do livro de grande sucesso Casamento blindado e apresentadores do programa de TV The Love School — A Escola do Amor (exibido pela Rede Record), eles têm ajudado milhares de casais e solteiros com seus conselhos e suas orientações. Apaixonados um pelo outro e por Deus, acima de tudo, os dois têm mais de 25 anos de vida conjugal e ministerial, atuando no Brasil e em outras nações, como Estados Unidos, África do Sul e Inglaterra.

9 de jun de 2016

[Divulgação] Salão do Livro para Crianças e Jovens começou dia 8 de junho no Rio


Com duração de 12 dias e extensa programação, 18ª edição do evento homenageia a Espanha

Seminários, encontros, performances, debates e lançamentos literários. A intensa programação do 18º Salão FNLIJ do Livro para Crianças e Jovens, que será realizado de 8 a 19 de junho, é voltada para famílias e comunidades escolares, com ênfase na importância da leitura na formação dos estudantes. Promovida pela Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ), a mostra terá duração de 12 dias e vai ocupar o Centro de Convenções SulAmérica, no Centro do Rio, reunindo escritores, ilustradores e especialistas em literatura infantil.

O Salão FNLIJ do Livro para Crianças e Jovens conta com patrocínio da Petrobras, via Lei de Incentivo da Secretaria do Estado de Cultura, e da Secretaria Municipal de Cultura (SMC), integrando o Circuito Cultural Rio, idealizado pela SMC e pela Prefeitura do Rio, para a programação cultural dos períodos Olímpico e Paralímpico, que vai de maio a setembro de 2016. Conta ainda com os seguintes apoios e parcerias: Secretaria Municipal de Educação (SME), Riotur, Instituto C&A, Instituto UK’A, Associação de Escritores e Ilustradores de Literatura Infantil e Juvenil (AEILIJ), Movimento Brasil Literário (MBL) e Associação Nacional de Livrarias (ANL).

Com a colaboração das editoras, a FNLIJ distribui, gratuitamente, desde a terceira edição do evento (em 2001), um livro para cada uma das crianças e jovens que comparecem ao Salão. É uma forma de compartilhar conhecimento, incentivar a leitura em casa e integrar a família. No ano passado, foram doados 23.776 exemplares. As obras também podem ser compradas nos estandes das editoras, sendo vetados títulos didáticos, religiosos, de referência ou fora da categoria infantil e/ou juvenil. Para a 18ª edição do Salão FNLIJ, são esperados 40 mil visitantes, cinco mil a mais do que em 2015. No ano passado, foram 71 lançamentos, 54 conversas, 84 leituras, 28 encontros com autores e 22 performances de ilustradores.


País homenageado em 2016: Espanha

Este ano, o país homenageado pela FNLIJ será a Espanha. Em 2015, foi encerrado um ciclo de três anos em que a literatura infantil e juvenil de países latino-americanos se destacou. Entre os convidados espanhóis do Salão, já confirmaram presença os escritores Maite Carranza, Gemma Lienas, Ledicia Costas e Alfredo Gómez Cerdá. Os ilustradores Javier Zabala, Xán López Domínguez e Maite Gurrutxaga também comparecerão ao evento, assim como as especialistas Teresa Corchete, Maria Jesús Gil (representando a OEPLI, seção espanhola do IBBY), Teresa Colomer e Mónica Fernández, Subdiretora-Geral de Promoção do Livro, da Leitura e das Letras do Ministério da Cultura da Espanha.

Na abertura do Salão, serão entregues os prêmios FNLIJ 2016, correspondentes à produção de 2015. A lista completa dos vencedores estará disponível no site em breve.


Os convidados e as editoras

Entre os brasileiros que já asseguraram presença estão Ana Maria Machado, Nilma Lacerda, Marina Colasanti, Roger Mello, Odilon Moraes, Luciana Savaget, Adriana Falcão, André Neves, Fernando Vilela, Gustavo Bernardo, Guto Lins, Ivan Zigg, Karen Acioly, Leo Cunha, Luciana Sandroni, Luiz Antonio Aguiar, Marcelo Pimentel, Eliardo e Mary França, Nilma Lacerda, Renato Alarcão, Rosa Amanda Strausz, Rui de Oliveira, Stela Barbieri e Ziraldo.

As editoras expositoras serão: Cia das Letras, Global, Moderna, Nova Fronteira, Paulinas, Paulus, Rocco, Rovelle, Verus, Zit, Autêntica, Cereja, Brinque-Book, Ciranda Cultural, DCL, FTD, Girassol, Globo, Intrínseca, Jovem, Melhoramentos, Salamandra, Panda, Positivo, Pulo do Gato, Record, Sextante, Saraiva, Ática, Scipione, Vergara & Riba,WMF Martins Fontes, Escarlate, Editora do Brasil, Ediouro, Bertrand Brasil, José Olympio e Paz e Terra.


Dia do professor e Visitação Escolar

O dia 8 de junho é exclusivo dos professores. Por meio de agendamento prévio, os professores podem fazer uma visita aos estandes das editoras participantes e ainda assistem a uma palestra sobre literatura infantil e juvenil. Dessa forma, ficam preparados para as atividades do Salão FNLIJ e estudam os catálogos de livros disponíveis para compra. Entrega-se certificado ao final da visita.

As escolas que quiserem participar da 18ª edição do Salão FNLIJ já podem marcar o agendamento para a visitação escolar. As inscrições são feitas pelo e-mail visitacaoescolar@fnlij.org.br. Para mais informações basta ligar para o telefone (21) 2262-9130.


Seminário Bartolomeu Campos de Queirós – de 13 a 15/6

Todos os anos são eleitos temas para guiar o Seminário FNLIJ Bartolomeu Campos de Queirós, cujo nome é uma homenagem ao escritor mineiro, autor de mais de 40 livros, premiado pela FNLIJ e que morreu em 2012. O Seminário terá duração de três dias, com programação fechada e inscrições pagas. Será realizado no auditório do Centro de Convenções SulAmérica, dias 13, 14 e 15/6.

Este ano, entre os temas abordadosestarão a Literatura Infantil e Juvenil na Espanha, a Avaliação e Encerramento do 3º Concurso Escola de Leitores do Instituto C&A, debates sobre o Plano Municipal do Livro, Leitura e Bibliotecas do Rio de Janeiro e Grupo de Trabalho do Gife.

As inscrições estão abertas até 7/6. O valor da inscrição para os três dias do Seminário será de R$ 200 (para os três dias) e R$ 80 (por dia avulso). A inscrição poderá ser realizada pelo e-mail seminario@fnlij.org.br, pelo telefone (21) 2262-9130 e no endereço da FNLIJ. A partir de 8/06, as inscrições somente serão feitas no 18º Salão FNLIJ, com os seguintes valores: R$ 250 (para os três dias) e R$ 100,00 (por dia avulso). No Salão, haverá também a modalidade de inscrição por turno no valor de R$50.


Encontros Paralelos

A série Encontros Paralelos FNLIJ/Petrobras consiste em pequenas palestras, com cerca de uma hora e meia de duração, nas quais se discutem questões ligadas à literatura infantil e juvenil. Os temas podem ser propostos previamente para agendamento. Os encontros vão acontecer nos dias 9, 10, 11, 12, 16, 17, 18 e 19 de junho. Para essa atividade não é necessária inscrição, apenas o ingresso do 18º Salão FNLIJ. A lotação máxima é de 40 pessoas.


Os Concursos e premiações

Ao longo do evento haverá as premiações dos quatro concursos permanentes do FNLIJ: 21° Concurso FNLIJ Os Melhores Programas de Incentivo à Leitura Junto a Crianças e Jovens de Todo o Brasil, 13° Concurso FNLIJ Curumim – Leitura de obras de escritores indígenas, 15° Concurso FNLIJ Leia Comigo! e 13° Concurso FNLIJ Imbrapi 2016 Tamoios de textos de escritores indígenas. Há ainda o Concurso FNLIJ Era uma vez... Uma proposta de leitura compartilhada, cujas inscrições seguem abertas até o mês de agosto. O regulamento encontra-se no site.

Na cerimônia de abertura do 18º Salão FNLIJ do Livro para Crianças e Jovens, dia 8 de junho, serão entregues os certificados aos vencedores do Prêmio FNLIJ 2016 (produção 2015).


Os Espaços

Todas as atividades do Salão acontecem nos seguintes espaços:

Espaço FNLIJ de Leitura: Para lançamentos de títulos e conversa dos autores com o público.

Bibliotecas FNLIJ/Petrobras:

Para Bebês – Acervo para a faixa etária de 0 a 4 anos, promove a leitura compartilhada entre familiares e educadores como uma forma de aproximar os pequenos do universo dos livros.

Para Crianças – Acervo especialmente selecionado pela FNLIJ para proporcionar um espaço acolhedor à leitura. Também ali acontecem encontros com autores e leituras realizadas pela equipe da FNLIJ.

Para Jovens – Acervo que inclui os livros premiados pela FNLIJ, estimulando os jovens aler e recebendo autores para lançamentos de livros e bate-papos com os leitores.

Espaço Petrobras do Ilustrador – Abriga as performances dos ilustradores, que são convidados a criar ilustrações na presença do público.

Auditório – Dedicado à discussão e exploração de temas em seminários e palestras.

18º SALÃO FNLIJ DO LIVRO PARA CRIANÇAS E JOVENS
De 8 a 19 de junho de 2016

Centro de Convenções SulAmérica
Av. Paulo de Frontin, 1, Cidade Nova, Centro, Rio de Janeiro

Horário:
Segunda a sexta | das 8h30 às 17h; sábados e domingos | das 10h às 18h

Ingresso: R$ 6 - Gratuidade para maiores de 60 anos, portadores de deficiência, professores da rede municipal do RJ e instituições que trabalham com crianças e jovens de comunidades de baixa renda pré-agendadas com a FNLIJ.

Não há venda prévia de ingressos para o Salão FNLIJ, apenas para os três dias de Seminário.

As bilheterias estão abertas de 9 a 19 de junho, durante o funcionamento da mostra.

Mapa do Salão no site, com a localização dos estandes.

Para mais informações: FNLIJ | tel. (21) 2262-9130


Acompanhe a programação do 18º Salão FNLIJ do Livro para Crianças e Jovens pelo site www.salaofnlij.org.br ou  www.facebook.com/SalaoFnlij e no Instagram @fnlij.

As Novidades do Dragão para junho @editoradraco

Vem gente!
Tem várias novidades para vocês!
Segurem os forninhos os dragões: 


Reverso, Karen Alvares

E se do outro lado do espelho estivesse tudo o que você mais teme?
Megan gostaria de ter deixado todos os seus medos do outro lado do espelho, presos com Megami e sua perigosa obsessão. Mas ela sabe que nada é tão fácil e, rápido demais, o espelho cobra seu preço também deste lado. Megan se vê dentro do seu maior pesadelo, um que conhece muito bem. E agora, além de lutar contra Megami, precisa fazer uma terrível escolha que definirá o seu futuro e o das pessoas ao seu redor.
Em meio a tantos segredos e dúvidas, Megan deve descobrir a verdade sobre Megami e, acima de tudo, sobre si mesma.
Reverso é a conclusão da história iniciada em Inverso, de Karen Alvares, a jornada de uma garota em busca de sua própria identidade. Para proteger quem mais ama, Megan enfrentará seus maiores temores e irá compreender seus sentimentos mais profundos. Mas será que ela é assim tão diferente da garota que a encara do outro lado do espelho?
Autora: Karen Alvares
ISBN: 978-85-8243-176-4
Gênero: YA, suspense, terror
Formato: 14cm x 21cm
Páginas: 148
Preço de capa: R$ 31,90 (papel)

A Fonte Âmbar, Ana Lúcia Merege

Quem pode perceber a diferença entre o Bem e o Mal?
A ameaça de uma guerra mágica paira sobre Athelgard. Muitos magos preferem não se envolver, mas Kieran de Scyllix empunha suas espadas e parte para sua terra natal, decidido a derrotar o feiticeiro que acompanha o exército invasor. Por sua vez, a Mestra de Sagas Anna de Bryke continua a lutar pela liberdade das águias douradas, fazendo alianças perigosas e chegando cada vez mais perto da verdade sobre o passado de Kieran.
A Fonte Âmbar fecha a trilogia de Ana Lúcia Merege, autora que já é referência nacional de literatura fantástica. Dessa vez, as vozes dos narradores de O Castelo das Águias e A Ilha dos Ossos se somam às de outros personagens, a quem a expectativa da guerra afeta de diferentes maneiras. Aprendizes da Escola de Artes Mágicas, nobres elfos, guerreiros, camponeses e até membros das tropas inimigas contribuem para trazer aos leitores uma história cheia de nuances e desafios inesperados.
Na conclusão da primeira série em Athelgard, a diferença entre o Bem e o Mal pode ser mais estreita do que o fio de uma lâmina.
Autora: Ana Lúcia Merege
ISBN: 978-85-8243-178-8
Gênero: Fantasia
Formato: 14cm x 21cm
Páginas: 300
Preço de capa: R$ 49,90 (papel)

 

 

 

 

8 de jun de 2016

@PlanetaLivrosBR Planeta de Leitores com Mary Del Priore| Vídeo Integral

Boa tarde caçadores!
Acredito que todos vocês já sabem do nosso amor pelo primeiro planeta de leitores em São Luís, mas se mesmo assim você perdeu algum post, basta clicar aqui.

Depois de uma semana de batalha com o youtube, consegui finalmente postar o vídeo integral do projeto:

E por hoje é só!
Acompanhem as novidades pelas redes sociais, pois esse ano promete!
Até a próxima!

1 de jun de 2016

Uma Curva na Estrada (Nicholas Sparks) @arqueiro

Editora Arqueiro
303 páginas
Média no Skoob 4.7
Classificação do blog 3


Após um longo período sem condições emocionais para ler Nicholas Sparks ou qualquer outro autor romancista, pude enfim retomar a um dos meus gêneros preferidos, o romance. E para celebrar o meu retorno em grande estilo, resgatei da minha estante Uma Curva na Estrada, um livro que teve a leitura pausado por quase um ano.

Tragédia. Segredo. Romance. Passado e presente. Estes são os ingredientes utilizados para criar o romance perfeito. Que, na minha mais sincera opinião, não é o romance mais bonito que o autor tenha criado. Algumas linhas mais abaixo e vocês compreenderão o motivo.

Após ter a esposa morta em um atropelamento no qual o culpado nunca fora encontrado, o subxerife Miles Ryan precisa lidar com sua perda e seguir firme, mesmo que apenas aparentemente, para continuar criando o filho pequeno Jonah, que, depois da morte da mãe, começou a apresentar problemas na escola. Entra em cena Sarah Andrews para ajudá-lo. A professora boa moça se apaixona por Miles e o sentimento é reciproco. Após algum tempo felizes, um segredo está prestes a destruir o final feliz do casal.

Ao longo da leitura eu me pegava pensado em quem poderia ser o culpado pelo atropelamento que levou a morte Missy. Isto se justifica pelo fado dos capítulos serem narrados alternadamente, ora é narrado o presente e ora o passado, na visão do culpado este último. Mas a minha curiosidade acabava nisso. A história ia se desenvolvendo lenta e previsivelmente, com trechos longos e desnecessários.


Enfim, o livro foi fraco. Não necessariamente ruim, mas fraco. A conclusão deixou a desejar e acabou acontecendo mais um típico final Nicholas Sparks.


Caçadora de Livros. Todos os direitos reservados.©
Design e codificação por Sofisticado Design