16 de dez de 2015

[Entrevista] GJA Guimarães autora da série Supremo Alfa @PercursoEditora

Bom dia, caçadores!
Já faz um tempinho que eu não faço essa coluna, mas depois de ser conquistada por uma trilogia linda da GJA Guimarães, não deu outra. Tinha que fazer essa entrevista, para saber um pouquinho da história e dividir com vocês esse talento nacional.
Conheçam GJA Guimarães, autora revelação do WattPad:
0- Quem é GJA Guimarães?

 Escrevo pelo pseudônimo GJA Guimarães que de meu só tem o Guimarães, na verdade, essa é uma pequena homenagem às três primeiras pessoas que leram meu primeiro livro e que me incentivaram a continuar (Gustavo, Jonathan e Adriana), hoje, meus novos leitores, saibam que devem muito a esses três aí. Me chamo Gabriella Guimarães, tenho 25 anos e moro em Salvador, mas o que quase ninguém sabe é que não nasci aqui, sou campo formosense!

    Vinda direto do interior da Bahia, Campo Formoso, a cidade das pedras preciosas. E foi lá em Campo Formoso onde comecei a escrever, sempre fui uma questionadora de livros e estórias e sempre foi muito difícil um livro me surpreender – eu costumo adivinhar o que vai acontecer no fim quando ainda estou no inicio-, o que com o tempo me deixou entediada. Estava de férias em Campo Formoso, na casa de meus avós, quando sonhei com Megan, lembro que comecei a escrever o capitulo ‘alto-mar’ e enviei para Adriana sem dizer que era meu e ela me disse, ‘poxa, maneiro, de quem é?’, quando disse que era meu, ela falou que queria continuar lendo e tá aí, foi onde tudo começou.

    Megan saiu em dois dias, como um parto extremamente difícil, mas magicamente prazeroso, eu tenho o maior orgulho desse livro. Muitos me questionam: Como assim você escreveu um livro em dois dias? Sim, a estória estava completa em dois dias, porque eu sou compulsiva, quando caio de cabeça em uma coisa, todo o meu corpo vai logo atrás. Eu estava nesse projeto de corpo e alma e fiquei dois dias escrevendo, não foram algumas horas do dia, foram DOIS DIAS. Depois disso, enviei o livro para Adriana, Gustavo e Jonatha, eles me deram opiniões e eu arrumei algumas coisas, organizei outras e bem, o resultado acredito que vocês já tenham conferido.

    Depois de Megan, comecei a escrever Elisabhet, outro livro magicamente prazeroso e fantástico, veio para mim como um presente dos céus. Após, comecei a escrever Kira, que era só uma ideia, não tinha noção nenhuma do desenrolar da estória, ela foi escrita e criada diretamente no wattpad. Acabando Kira, eu retornei até a Megan e escrevi seu livro 2, ela já estava arranhando as paredes da minha mente querendo ser ouvida, e quem tem juízo obedece a essa mulher.

    Após, comecei a ler vários livros de lobisomem, as vezes pego um tema e começo a ler vários livros sobre ele, foi o que aconteceu. E lendo, eu fiquei tão incomodada, tão chateada com as mesmices, com alguns vícios de escrita e hábitos que resolvi escrever essa estória. Supremo Alfa I (Companheiros) foi para mim um grito de revolta e liberdade. Após SA1, retomei o livro Kira II, só que a estória de AS estava tão entranhada em mim, que acabei iniciando o livro 2 (PRIDE). Atualmente escrevo Kira2, SA2 e My Song.

Essa é minha vida, eu trabalho com arquitetura e design gráfico, estou concluindo minha faculdade de arquitetura e urbanismo, cuido dos meus dois filhos (bob e bel), tento responder com todo o carinho as quase 200 mensagens que recebo todo os dias e, escrevo.

1- Quando você viu que era uma escritora? Sabe aquele estalo na cabeça e quando vê já está tomando forma? Pois bem, como foi que tudo aconteceu?


Olha... Eu hoje me considero uma escritora em potencial, sei que tenho megas falhas, muitos vícios, enfim....Vamos a resposta:
Eu estava na casa de meu avô ( para onde estou indo viajar hoje) no fim de ano de 2013 para 2014 e eu tive o mesmo sonho, já fazia uns cinco dias que tinha o sonho com a mesma personagem. Então eu não aguentava mais a Megan gritando em minha cabeça e resolvi coloca-la para o papel, em dois dias eu escrevi 200 páginas do livro Megan Mickels- O despertar. As pessoas não acreditam nisso, mas eu sou viciada, compulsiva e perfeccionista. Não são três qualidades lá muito boas quando embutidas em uma pessoa de um metro e meio. Mas bem, eu quando tenho algo em mente, só faço isso, e foi o que ocorreu em Megan.
 Aí digamos que você escreve, olha para o que fez e diz: tuuudo bem, o que eu faço com isso agora?!
Então enviei para três pessoas em primeira mão: Adriana, Jonatha e Gustavo. Adriana amou, perguntou de quem era e quando disse que era meu ela ficou mega surpresa, Adriana é minha companheira de debates de livros, eu costumava ler três livros por semana ( o que não consigo fazer agora :( ). Jonatha estava no exterior, ele leu e fez várias considerações, passei horas em conferencia com ele para arrumar detalhes da estórias e tirar outras. Gustava me deu um hiper apoio para que eu continuasse, na verdade, esses três foram meus leitores cobaias, por isso o GJA ( Gustavo, Jonatha e Adriana).
Depois das minhas cobaias lindas, enviei o livro para Emilly, minha amiga fofa de faculdade e de vida. E ela amou! Seu comentário foi meio que : Gabii, muito bom, mas termina muito rápido! Quero a continuação!
E foi ai que eu disse: êpa, talvez eu seja boa nesse trem.
Esse foi o meu primeiro estalinho. Mas meu batida de cara com essa realidade foi em Supremo Alfa, ver todos os comentários, as ameaças, o amor, a torcida... Quando eu reli o livro, estava chorando porque ficava em minha cabeça: não acredito que fui eu quem escreveu isso.
Então as pessoas que conversam comigo dizem que eu fico diferente ao falar sobre os meus livros, como se tivesse um brilho maior e um dia um amigo me falou: Gabi, você tem noção que pessoas ficam todas a sua vida em busca daquilo que são realmente boas e as fazem felizes e talvez você tenha encontrado isso?
Esses foram os fatos que me fizeram perceber que talvez eu tenha encontrado meu lance.

2- Como surgiu Supremo Alfa na sua vida? E os personagens?

O primeiro livro (Companheiros) surgiu de uma necessidade e uma revolta insana só minha. Vou explicar: comecei a ler muitos livros de lobos, e em todos a mulher sempre assumia o mesmo papel: companheira, submissa, boazinha.  E ocorria o mesmo cronograma nos livros: Lobo encontra sua companheira> companheira é humana e se assusta com a realidade > ama o lobo mesmo assim : se submete a sua realidade > são felizes para sempre.
Então em um dia eu gritei sozinha dentro de minha casa: QUE POR** É ESSA?! (sim, eu falo sozinha, você precisa ouvir minha revolta quando li A culpa é das estrelas, fiquei a madrugada toda gritando minha indignação com o meu cachorro.)
E eu disse, pera aê que vou escrever uma bagaça aqui só porque eu tô revoltada! Eu me neguei em aceitar que a relação dos lobos fosse tão simples, me neguei a aceitar que em um relacionamento não há brigas, não há ceder dos dois lados, não há abrir mão pelo outro, não há problemas, não há crescimento! Eu precisava de um livro de lobos que mostrasse que eles são humanos! E não seres plastificados caindo em uma mesmice literária.
Foi daí que surgiu a Série Supremo Alfa, foi do nada e foi porque estava retada.
Em relação aos personagens, o meu intuito era mostrar para os meus leitores que não existe um ser perfeito, não existe um ser que irá ser apresentado para os leitores de modo irreal... Eu meio que me ponho no lugar de leitor ( porque sou, dã), e estou cansada de estórias com vampiros perfeitos e sexys, lobos brutamontes-gostosos e perfeitos, eu quero mais! Quero poder entrar na mente de cada um, quero poder sentir cada coisa que eles sentem, quero os odiar e amar ao mesmo tempo... Meus personagens foram construídos assim, eu não tenho rascunhos dos meus livros escritos, não tenho perfis de personagens escritos... Simplesmente porque eles são meus amigos íntimos e porque eu iria sair escrevendo coisa de um amigo? Me pareceu meio stalker, daí não fiz. u.u Os personagens surgiram no desenrolar do livro, no inicio só tinha: Lua, Noah, Ian, Alex e Raquel. Todos os outros foram aparecendo junto ao desenrolar da estória.

3- Qual foi a sensação de publicar no Wattpad e encontrar leitoras tão mercenárias? Eu me incluo aqui. Pois, já vi algumas ameaças bem violentas. kkkkkkkk

Meninaaa, não sei se já percebeu mas sou hiper sarcástica e brincalhona, então eu levei super numa boa. O wattpad é realmente uma bênção, foi um achado! Amo o retorno, amo o envolvimento, amo o um para um entre leitor e escritor. Uma coisa que percebi no wattpad foi que depois de Supremo Alfa, todos os livros de lobos meio que mudaram sua vertente para algo parecido com SA, o que não chega a ser um plágio. Acho importante essa mudança de pensamento e cenário.
Sempre que me perguntam sobre o wattpad, eu digo a mesma coisa: É como escrever um livro com umas três mãos e milhares de corações pulsando na mesma batida. É um trabalho em conjunto e mágico.


4- Qual o futuro de Supremo Alfa? É uma série? Uma tetralogia? Trilogia? Vai virar série de televisão? filme?

Acredito que Supremo Alfa seja uma duologia, ou no máximo trilogia. Terão outros livros com os personagens de SA, mas como eles estarão junto a outros personagens importantes de outra série minha, não acredito que vá deixar o livro na série de Supremo. Por exemplo, terá um livro só da Sarah e do Vittore, mas esse livro vai focar no Vittore e em sua estória de vida sendo o primeiro vampiro a existir, então este será um livro a parte. O mesmo irá ocorrer com o livro de Loren e seu companheiro. Eu amaria que virasse série ou filme, já pensou? Seria incrível!

5- Você já recebeu propostas de editoras?

Recebi sim, mas as propostas de editoras são sempre para que o escritor invista e compre uma parcela das tiragens, sei que vale a pena, mas não é um dinheiro que disponho hoje. Portanto, tenho planos de auto publicação, meus livros já estão sendo revisados por uma empresa e serão formatados para venda impressa. Os ebooks da amazon também serão atualizados a partir dessa revisão, vejo que alguns comentários na amazon reclamam sobre alguns erros ao decorrer do livro e acho muito importante q eles sejam corrigidos. Também tenho planos de traduzir meus livros para inglês e vender na amazon, mas, espero que até o natal todos já possam comprar meus livros físicos.

6- Quais são os seus novos projetos?

Além de My Song que será uma série ( haverá livros com cada integrante da banda), eu estou louca para escrever o livro de Suzanna, a bruxa amiga da Megan. O nome do livro será Suzzana, o Coração de Cadreel. Já dá para ter uma noção do que virá por aí... Ah, tô te mandando a capa *_*
 

7- Já imaginou cada personagem seu como uma pessoa real? Se sim, indique quem do nosso mundo poderia ser cada personagem de Supremo Alfa. ^^

Olha, eu demoro cerca de duas horas para escolher cada personagem meu porque a imagem dele tem que coincidir exatamente como está em minha cabeça.

Noah: modelo Lucas Alves.
Raquel: Ashley Banson
Alicia: Lucy Hale

Acho que são esses que sei decorados, o restante foi em busca aleatória no google, mas você pode ver todas as imagens na página do face /gjaguimaraes .
A autora assinou contrato com a Editora Percurso.

Gostaram?
Aguardo os comentários de vocês. 
Até a próxima!

4 comentários:

I'm Rocket Queen disse...

Que incrível S2 amei a nova capa S2 nunca tinha visto esse blog ,mas acho q vou acompanhar S2

I'm Rocket Queen disse...

Eu tbm estou escrevendo (começando) um çivro sobre um sonho que tive varias vezes. Só postei um capítulo e não tenho incentivo, a GJA é uma inspiração S2 vou tentar seguir meu sonho de ser escritora 💜

Sthefany Paula disse...

Quando Eu li Elizabeth fiquei Encantada pela história,e também com as outras que vieram depois dela .tanto que hoje sou fã doente do trabalho da Gaby .Gaby você tem um talento incrível!, e obrigada por compartilhar ele com a gente ;3

ROSI disse...

Li Supremo Alfa I e II e estou ansiosa pelo terceiro. Quando Você lançará o Supremo Alfa III. Estou lendo o da Megan e comprei também Kira e My Song. Amei sua forma de escrever, você faz com que eu viaje nas estórias.Por favor lance logo o Supremo Alfa III, pois é horrível terminar livro com continuidade e não o acharmos para terminar. Obrigada.

Postar um comentário

Obrigada por comentar, Caçador(a)!
Volte Sempre!

Para postar links nos comentários, utilize o espaço correto:
1- Clique em Comentar Como:
2- Selecione a opção Nome/Url
3- Em nome, coloque o seu nome ou nick das redes sociais.
4 - Em Url, coloque o link do seu blog ou página das redes sociais.

Pronto, assim você comenta e ainda coloca os seus dados, sem fazer spam.

Para dúvidas, sugestões ou solicitação de informações, encaminhe email para: c.delivros@gmail.com

Caçadora de Livros. Todos os direitos reservados.©
Design e codificação por Sofisticado Design