4 de abr de 2015

Animate Me - Amor Criativo (Ruth Clampett) @nVersosEditora

Bom dia caçadores, vamos de um café bem quente e criativo hoje?

Quando se trata de desenho animado, sempre imagino mil e uma situações que os personagens vivem e o final nem sempre é o que esperamos, mas torcemos pelo nosso personagem preferido não é mesmo?... Venho apresentar este livro, no qual torci com as mãos trêmulas para o protagonista se sair tão bem como o pernalonga se sai nos finais do desenho.

Editora NVersos
Ano: 2014
Skoob
Classificação no skoob: 4.4
Compare e Compre
Classificação: 4 lupinhas

Ahhhh... como eu amo o universo dos quadrinhos e suas animações! E ao ler este livro, entro no mundo de Nathan Evans, um animador de quadrinhos extremamente talentoso e fico encantada ainda mais como as coisas funcionam em uma empresa como a Républica de Rabiscos com um time super único e unido chamado Bernie e a Patrulha Beaver.

Nathan é o tipo de cara nerd, - prefiro chamar de extremamente inteligente - não tem um mínimo de experiência com garotas, mas que tem um coração imensamente generoso. Ele é mesmo muito bom nos desenhos, considerado o melhor da equipe de Joel e tem sua própria revista em quadrinhos, a Garota B inspirada completamente em uma garota da empresa chamada Brooke no qual ele é apaixonado platonicamente há dois anos e faz os desenhos desde então. Mas ele vive em seu próprio mundo geek produzindo a "Garota B" e ninguém sabe de fato que Brooke é a "Garota B" e esta não faz a mínima ideia que é inspiração para tal.


Ele um simples operário da produção de desenhos. Ela diretora do departamento de desenvolvimento no qual tem como namorado nada mais nada menos que o presidente da empresa. Então ele pensa: quais a chances que tenho com ela? Deve ser 1% de 100 com certeza. 

" Ah como eu queira beijar estes lábios"

Mas, o rapaz subestimou o destino, quando a garota dos seus sonhos surge no Mundo Geek do Jimmy  - uma loja de acessórios diversos e games no qual ele trabalha temporariamente para ajudar um amigo - para comprar um cabo USB para seu notebook e acabam começando uma amizade que na cabeça dele até então parecia surreal.

No dia seguinte Nathan vai a seu escritório e leva um café que trouxe na volta do Starbucks e ela agradece pela gentileza e percebe que ele fez uma animação no copo do café o que a deixa muito feliz. Ah, isso foi mais que um motivo para ele ficar mais apaixonado. Ele investe no dia seguinte mais uma vez no mesmo horário e com isso passa a ir todos os dias no final da tarde levar um café, sempre com uma animação diferente desenhado no copo e também idéias para puxar uma conversa com a mesma.



Certo dia Brooke resolve retribuir o gesto levando café na baia onde ele trabalha e encontra Nathan conversando numa boa com sua companheira de equipe e amiga Dani. Ela interpreta equivocadamente  que ele gosta da Dani e ele acaba tendo a idéia de consquistar Brooke.

Ele bola um plano com a Dani que parece infalível: decidem fingirem-se que um tem interesse pelo outro para tentar conquistar seus amores. Dani faz isso pelo Nick (ja tiveram um relacionamento mas que terminaram por bobagem, e ele ama ela mas tem medo de desapontá-la), também companheiro de equipe de Joel e melhor amigo de Nathan, o que o faz ficar muito irritado ao saber que Nick "tem interesse" por Dani.

A situação começa a se complicar quando Brooke entende que Nathan "gosta" da Dani, decide ensiná-lo as táticas de conquistar a "garota que ele gosta". 

Inicialmente Nathan vai a casa de Brooke para ajudar a consertar o notebook dela. Depois para ajudar em um projeto de site e com isso passa a ir à casa dela toda semana depois do expediente. Nesse meio tempo Brooke ajuda ele como conquistar a garota dos seus sonhos, tirando pequenos traumas do seu antigo relacionamento, como chegar em uma garota..a beijá-la...e explorar outras bem sexuais... e passando a sair juntos.

Enquanto o namorado de Brooke, Arnold, fica de longe observando essa "amizade colorida" crescer mais e mais, a princípio, ele ignora por achar que Nathan é só um passatempo. 

Mas, algo entre Brooke e Nathan muda, uma química muito forte que ambos não sabem ao certo o que é (pelo menos Nathan sabe o que sente), fazendo com que um não viva sem o outro. Mais e mais Nathan faz de tudo para ficar junto dela fazendo coisas que ela também aprecia.

Surgem situações muito eletrizantes nessa jogada de conquista e Brooke se vê muito confusa, uma vez que nunca imaginou que existiria alguém tão bom como Nathan, afinal ela e Arnald mantém um relacionamento aberto, então nunca planejou se casar. 

Arnold então se vê ameaçado e inicialmente também entra numa jogada para conquistar Brooke de volta para ela, mas ao perceber que não resulta em nada, trama destruir tudo que Nathan tanto conquistou e Brooke se vê pressionada a decidir, se acaba com tudo o que ela conquistou durante sua carreira ou se entrega de vez ao amor.

Nessa trama, muitas pessoas se envolvem, como a assistente de Brooke que inicialmente não ia com a cara de Nathan mas ao perceber que algo verdadeiro rolava entre eles, se empenhou em ajudá-los no que pôde, achei isso muito legal. A equipe Bernie e a Patrulha Beaver também se envolveram, eles que são de fato os melhores amigos de Nathan (e que amigos são!), esses sim são uma equipe e tanto . Quando se trata de se vingarem pelo amigo, tramam para cima do macaco louco (Arnold). 

Bem... eu amei alguns personagens:

A Billie que trabalha na loja de quadrinhos e também amiga de Nathan. Ela o ajudou a vender as publicações da "Garota B" que ele produzia e o defendeu como uma irmã quando ele se viu em situação ruim. 

O irmão de Nathan, Curtis, nossa, ele é um irmãozão para Nathan dando altos conselhos no decorrer do plano dele conquistar Brooke, sempre falando que mentir resultaria em um final não muito agradável..

E em especial aos pais de Nathan, especificamente ao pai, que foi mais que um pai, foi um ombro amigo e ajudou Nathan a erguer a cabeça e não desanimar no momento mais crítico que ele passou.

Sobre o Nathan... encantador, inteligente, simples, sarado, forte. lindo, e loucamente apaixonado pela Brooke (parecia ser possessivo no início). E eu achei muito engraçado o fato de como ele gostava de relacionar sua vida com personagens de desenhos animados super famosos como o frajola, pernalonga, piu-piu.etc.

Esse sem dúvida é o tipo de livro que pensaria sr uma comédia romântica bem leve na primeira impressão, mas me surpreendi no romance tão forte tão perfeitamente detalhado entre os dois. 

Sobre a capa,ela é sem dúvida chamativa e como falei, ela te faz pensar que é uma comedia romântica, não sabendo que tem muito mais que isso. Então é aquele velho bom conselho: nunca julgue o livro pela capa, e para os pais que costumam escolher livro para o seus filhos, muito muito cuidado, estudem bem o conteúdo antes de entrega-los, por que já imaginou? Se uma criança lê esse livro? pode ter certeza que vai dar confusão depois. Enfim, a capa é bem divertida, mas achei ela frágil(nem por isso tiro seus pontinhos).

O conteúdo foi excelente, ele te deixa focado para querer saber mais e mais o que vai acontecer com Nathan e Brooke no qual acontecem diversas situações e complicações durante a trama. Não é aquele tipo de livro que deixa o pior para o final. Fora as explorações sexuais diversas e inusitadas que o casal apaixonado fazia, gente do céu! Vocês vão se surpreender com a loucura desses dois! Enfim, o final foi bem leve e focado nos dois comparado com o enredo todo e achei poderiam fazer algo diferente, mas foi bom como ficou.

A diagramação é tão divertida como a capa, em cada capítulo tem uma citação de um desenho animado com um tema relacionado com a história, o que dava a sensação de saber o que mais ou menos vai rolar naquele capítulo. Entre as pausas de cena você vê símbolos de café, copo com canetas de desenhos, etc. o que harmonizada a história. E não cansei em momento algum. Existe erros entre as palavras.

" Poxa, eu gostaria muito de ter uma garota." 
(Cecil the love-sick Sea Serpent)

É de fato um livro que te prende do começo ao fim e tudo que espera é que Nathan seja realmente feliz com a pessoa que ele ama...então pela história merecia 5 pontos, mas com os detalhes que mencionei sobre capa, redação:



Deixe sua opinião, até a próxima e feliz páscoa! ;)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar, Caçador(a)!
Volte Sempre!

Para postar links nos comentários, utilize o espaço correto:
1- Clique em Comentar Como:
2- Selecione a opção Nome/Url
3- Em nome, coloque o seu nome ou nick das redes sociais.
4 - Em Url, coloque o link do seu blog ou página das redes sociais.

Pronto, assim você comenta e ainda coloca os seus dados, sem fazer spam.

Para dúvidas, sugestões ou solicitação de informações, encaminhe email para: c.delivros@gmail.com

Caçadora de Livros. Todos os direitos reservados.©
Design e codificação por Sofisticado Design