26 de ago de 2014

[Divulgação] EDITORA PEIRÓPOLIS PARTICIPA DA 23º BIENAL DO LIVRO DE SÃO PAULO

 
Entre os destaques do primeiro final de semana do evento estão a escritora Érika Balbino com o livro “Num tronco de Iroko vi a lúna cantar”; Maria Eugenia com a obra infantil “Paulina”; e a orientadora e escritora Kiusam de Oliveira  divulgando o livro “O mundo no Black Power de Tayó”

                               

Comemorando 20 anos de atuação no mercado, a Editora Peirópolis trouxe várias atrações para o primeiro final de semana da 23ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo.  O evento literário, que acontece até dia 31 de agosto, no Anhembi (Av. Olavo Fontoura, 1.209 - Santana), marca a data festiva para a editora com uma decoração especial. O estande, enfeitado com temas brasileiros, está repleto de fitas, caixotes e muita variedade de cores.

Para aproximar o público de seus autores, a Peirópolis contou também com várias participações especiais em diferentes espaços do evento. No dia 22 de agosto, a escritora Érika Balbino falou sobre a força da cultura africana com seu livro “Num tronco de Iroko vi a lúna cantar”. Autora e ilustradora da obra infantil “Paulina”, Maria Eugenia participou do evento no dia 23 de agosto. No mesmo dia, a programação especial de autores contou também com a presença de Kiusam de Oliveira falando sobre “O mundo no Black Power de Tayó”.



OFICINA COLHERIM

Outro sucesso de público com as crianças foi a oficina ministrada pelo educador musical Estêvão Marques. Baseado no conteúdo do livro “Colherim – Ritmos brasileiros na dança percussiva das colheres”, o autor ensinou um série de atividades com ritmos brasileiros aos pequenos. Durante a grande movimentação de público no dia 23 de agosto, o show de colheres atraiu também olhares curiosos entre os adultos.

Sobre a Editora Peirópolis
Criada em 1994, a Editora Peirópolis tem como missão contribuir para a construção de um mundo mais solidário, justo e harmônico, publicando literatura que ofereça novas perspectivas para a compreensão do ser humano e do seu papel no planeta. Suas linhas editoriais oferecem formas renovadas de trabalhar temas como ética, cidadania, pluralidade cultural, desenvolvimento social, ecologia e meio ambiente – por meio de uma visão transdisciplinar e integrada. Além disso, é pioneira em coleções dedicadas à literatura indígena, à mitologia africana e ao folclore brasileiro. Há alguns anos, a Peirópolis vem desenvolvendo um catálogo de literatura portuguesa, com o valioso reconhecimento e apoio da Direcçcão Geral do Livro e da Biblioteca (DGLB) do Ministério da Cultura de Portugal. A editora está afinada com os propósitos do terceiro setor, participando ativamente do crescente movimento de sua profissionalização. 
Para saber mais sobre a Peirópolis, acesse www.editorapeiropolis.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar, Caçador(a)!
Volte Sempre!

Para postar links nos comentários, utilize o espaço correto:
1- Clique em Comentar Como:
2- Selecione a opção Nome/Url
3- Em nome, coloque o seu nome ou nick das redes sociais.
4 - Em Url, coloque o link do seu blog ou página das redes sociais.

Pronto, assim você comenta e ainda coloca os seus dados, sem fazer spam.

Para dúvidas, sugestões ou solicitação de informações, encaminhe email para: c.delivros@gmail.com

Caçadora de Livros. Todos os direitos reservados.©
Design e codificação por Sofisticado Design