21 de jan de 2013

O Vampiro de Curitiba (Dalton Trevisan)

 Ed. Record
ISBN: 8501013633           
112 Páginas

                
Olá, caçadores, como estão?
Este livro, que não é nem um pouco novo, ainda soa atual. Escrito por Dalton Trevisan em 1965, que no ano passado recebeu o Prêmio Camões de Literatura e lançou O Anão e a Ninfeta, cuja resenha você pode ler aqui, este livro deu a alcunha de Vampiro de Curitiba para o seu autor.

Os contos aqui retratados são, em sua maioria, na capital paranaense: Curitiba. Lá, Nelsinho perambula pela cidade vendo as moças que vão de um lado para o outro.
Por ser um livro de contos, cada história é uma história. Sendo Nelsinho o nome de cada homem nas histórias. A característica principal do personagem é ser boêmio, malandro, astuto e perspicaz. Quando vê um rabo de saia, vai logo se atracando, em busca de beijos na boca e no pescoço, como um vampiro, mas um vampiro com sede de paixão.

As situações descritas nos contos ocorrem em diversos lugares, no cinema, no botequim da esquina, e até, - pasmem – na casa de uma antiga professora.

Dalton Trevisan, hoje, considerado por muitos como o maior contista vivo, com O Vampiro de Curitiba, obteve reconhecimento da crítica internacional. Nas orelhas do livro, críticas de vários jornais de renome internacional, como o The New York Times.

Vale ressaltar que, para quem gosta de contos, e principalmente da literatura de Dalton, O Vampiro é indispensável.

O livro, no geral, é nota 10.





P.S: Existem várias e várias edições da obra. E, sim, há diferenças entre uma e outra. Críticos dizem que, em cada edição, Dalton mexe em alguma coisa, mesmo que seja em apenas uma vírgula. Tudo isso em busca de apenas uma coisa: a concisão de seus textos.



Até a próxima!



4 comentários:

Samanta Holtz disse...

Aaaaah, eis quando começou a febre dos vampiros na literatura :D hehehehehe

Brincadeiras à parte, adorei saber mais sobre o livro!! E que legal ter ganhado tantas incríveis indicações, até mesmo internacionais... deve ser um orgulho imenso ao autor!


Beijos!

Samanta Holtz
autora de O Pássaro
www.samantaholtz.blogspot.com.br

Sonia disse...

Não me recordo de já ter lido alguma de Dalton Trevisan, mas já anotei no meu caderno.

soniacarmo
retatlhosnomundo.blogspot.com.br

João Victor disse...

Samantha, hehehehe. O Dalton é demais.


Sonia, há algum tempo eu resenhei o último livro publicado pelo autor. Dê uma olhada lá.

http://www.cacadoradelivros.com/2013/01/o-anao-e-ninfeta-dalton-trevisan.html

São livros muito bons.

Fernanda Souza disse...

Nunca tinha ouvido sobre o autor e achei muito bacana. Contos são inspiradores e de leitura fácil.

Beijos
@LeitoraIncomum
www.leitoraincomum.com

Postar um comentário

Obrigada por comentar, Caçador(a)!
Volte Sempre!

Para postar links nos comentários, utilize o espaço correto:
1- Clique em Comentar Como:
2- Selecione a opção Nome/Url
3- Em nome, coloque o seu nome ou nick das redes sociais.
4 - Em Url, coloque o link do seu blog ou página das redes sociais.

Pronto, assim você comenta e ainda coloca os seus dados, sem fazer spam.

Para dúvidas, sugestões ou solicitação de informações, encaminhe email para: c.delivros@gmail.com

Caçadora de Livros. Todos os direitos reservados.©
Design e codificação por Sofisticado Design