8 de out de 2012

Resenha: Nick e Norah - Uma Noite de Amor e Música (Rachel Cohn e David Levithan)

Bom dia, Caçadores!

"Detalhes de uma noite bem vivida". - Alair Lemes.

Ed. Galera Record
ISBN: 978-85-01-08540-5
224 páginas
Skoob
Compare & Compre


Eu comprei esse livro não somente pelo titulo e pela capa. Certo que eu nunca tinha ouvido falar sobre ele e muito menos sobre o filme. Mas a sinopse me interessou tanto que fiquei pensativo durante algum tempo e acabei comprando. Claro que logo comecei a ler e ai passei a gostar mais da história que da capa u.u

Quando é que termina a noite? No inicio do nascer do sol ou no final dele? É quando você vai finalmente dormir ou simplesmente quando percebe que tem de dormir? Quando o clube fecha ou quando todo mundo vai embora? Normalmente, guardo esse tipo de pergunta para mim mesmo. Mas desta vez pergunto a Norah.

Nick é um ótimo personagem. Ele é baixista numa banda de queercore band (um subgênero do punk rock com temática gay em suas letras) é o único hétero da banda, sincero, romântico e ainda esta na fossa pelo rompimento do namoro com Tris (a vagaba da Tris ainda deixa Nick triste :ss).

Então depois de tocar ele percebe sua ex caminhando em sua direção com um cara. Entra em cena a Norah, uma garota rebelde e que gosta de música (só para complementar: ela não bebe, não fuma e nem se droga. Tem um ex namorado cafajeste e que por ele decidiu não ir para a faculdade e sim para a África fazer serviço comunitário – como se ela fosse para o céu por causa disso – mas ela até que merece). Então para que Nick não pareça estar no fundo do poço ainda, ele pede a Norah, que está mais próxima dele no bar, para ser sua namorada por cinco minutos (Eeeba! Começou bom ;-)

Então eu, este baixista qualquer de uma banda de queercore mediana, viro-me para a garota de blusa de flanela que nem conheço e digo: - Sei que isso vai parecer meio estranho, mas poderia ser minha namorada pelos próximos cinco minutos?

Depois disso as coisas vão acontecendo, e tudo numa noite só, o que é mais legal ainda. Eu me apaixonei pelo jeito do livro. Os capítulos são narrados alternadamente entre os dois, tem muita música, obvio, e os personagens são bacanas demais. Temos os caras da banda que são gays e outros também. No inicio tem a bêbada da Coroline, amiga de Norah. Ela tem que se “livrar” da amiga levando ela para casa para poder se divertir com Nick, e ela é meio que paga para isso pelos gays da banda que colocam a Caroline no furgão... Nem quero mais continuar falando assim, daqui a pouco copio o livro todinho aqui. Mas que ele é divertido isso ele é. Além disso, ele tem alguns trechos meio eróticos, mas não vem você pensando que isso aqui é Cinquenta Tons de Cinza que eu disse que é "meio" erótico apenas. Rum!

Mas voltando sobre a minha opinião, este é um livro riquíssimo. É indicação mesmo! Sei que de alguma forma vocês iram gostar da leitura. É um livro que distrai, que te proporciona recordar velhas bandas, conhecer novas bandas punks, e se não tomarem cuidado, vão querer ir para uma balada punk e pedir para um cara para ser seu namorado por cinco minutos. 

- Acaba quando você decide que acaba – diz ela. – Quando você encerra a noite. O resto é só uma questão de onde o sol está no céu. Não tem nada a ver com a gente.

 Classificação:
A capa é muito bacana e mega convidativa para uma leitura gostosa e rápida, o conteúdo me deixou bastante feliz, porém poderia ter explorado mais outros personagens também e a diagramação é simples, mas com valor.

Gostaram?
Comentem!
Até semana que vem.
;)






7 comentários:

Paula Camargo disse...

Não sabia que tinha o filme,mas acho q a capa já é do filme né? Pq parece tao capa de filme haha! Parece um livro bom,adoro romances!

Vanilda Procopio disse...

Não conhecia o livro e também não sabia que tinha filme. Mas gostei da indicação, sim. Parece daqueles que a gente lê num instante e se diverte com ele. Mas tenho tantos na fila que esse vai ficar para um pouquinho mais tarde.

Juliana K disse...

Gostei da forma que você escreveu, mas não estou no clima de romance.

Luiza Helena Vieira disse...

Ainda não vi o filme e muito menos sabia do livro...
Só queria que tivesse outra capa, diferente do poster do filme...

Luiza Helena Vieira
Obsession Valley

Rissia Ribeiro disse...

Parece ser um livro simples mesmo ! ^^ Gostei da historia mas não sei se me arriscaria de lê-lo porque por esse tempo estou abordando livro com assuntos mais complicados mas quem sabe eu m lembre desse livro algum dia ! ^^

Caçadora de Livros disse...

Alair, gostei da resenha, mas no momento pela fila, esse livro não entra na seleção, rs.
bjks

Jordana Broering disse...

O livro parece ser muito bom. Eu vi o filme e gostei, quem sabe consigo ler o livro =)

Beijinhos

Postar um comentário

Obrigada por comentar, Caçador(a)!
Volte Sempre!

Para postar links nos comentários, utilize o espaço correto:
1- Clique em Comentar Como:
2- Selecione a opção Nome/Url
3- Em nome, coloque o seu nome ou nick das redes sociais.
4 - Em Url, coloque o link do seu blog ou página das redes sociais.

Pronto, assim você comenta e ainda coloca os seus dados, sem fazer spam.

Para dúvidas, sugestões ou solicitação de informações, encaminhe email para: c.delivros@gmail.com

Caçadora de Livros. Todos os direitos reservados.©
Design e codificação por Sofisticado Design