13 de jul de 2012

Garotas de Vidro (Laurie Halse Anderson)

Bom dia caçadores, tudo bem?
Desculpe o sumiço, passei por uma turbulência ultimamente, mas cá estou novamente. Espero que me perdoem.


Ed. Novo Conceito
ISBN: 9788581630113
272 páginas

Classificação:
Conteúdo: 8,0
Capa: 8,0
Diagramação: 8,0
Esse livro é com certeza um dos livros mais marcantes que eu já li. Quando o comecei, meu conceito para ele era “0”, odiei, chato demais. Eu não conseguia entender o psicológico da personagem, as frequentes metáforas usadas pela autora e as frases tachadas que mostram a fraqueza mental da personagem principal, a Lia. Com o passar das páginas, eu comecei a me acostumar com o formato do livro, passou a me chamar atenção a história que inicialmente parece ser boba e vazia, mas na verdade é bem complexa. Então vamos começar.   \õ

O livro conta o drama vivido pela adolescente Lia, que apresenta um quadro de anorexia e autoflagelação. Após receber a notícia da morte de sua melhor amiga Cassie, a personagem passa a enfrentar alguns problemas psicológicos e a fugir de todos a sua volta. A morte de Cassie é a parte fundamental da história, porque quando crianças, as duas apostaram quem seria a mais magra, quem seria a mais brilhante e com o corpo mais vazio (Pura loucura gente!). Cassie não aguentou e quando Lia estava caminhando para o mesmo destino, ela passa a receber ajuda de sua mãe a Dra. Marrigan, sua madrasta Jennifer, sua meia irmã Emma (que parece ser a pessoa que ela mais ama) e o seu pai. Nesse drama de conviver com o peso que ela considera impróprio, a busca de informações sobre a morte de sua amiga e sua realidade familiar instável, Lia nos mostra até que ponto podemos chegar quando perdemos o controle de nossas vidas.
A maneira realista como a autora escreve é assustadora, você fica na pele da personagem, sente a angustia  que ela tem ao comer, a loucura e compulsão por contar as calorias de cada alimento e a fragilidade mental que a leva a se cortar só para amenizar sua dor e descontrole. Garotas de Vidro é um livro forte, impactante e mostra como muitos jovens vivem congelados em seu mundinho e se matam silenciosamente sem ninguém a sua volta perceber. Fui muito difícil ler esse livro. Uma pessoa que come o que vê pela frente, não se importa (não com tanta obsessão) com o número que a balança mostra assim como eu, passa por uma “tortura” lendo esse livro. A palavra que descreve minha reação ao ler cada página foi indignação, principalmente porque a todo o momento me vinha à cabeça o fato de que existem muitas e muitas meninas com esse problema e algumas podem estar ao meu lado e eu talvez não perceba.
O livro é no mínimo polêmico e vocês podem observar que, para a pessoa que odiou o livro quando o começou, com certeza minha opinião sobre ele mudou, não é mesmo?  Isso só pode ter acontecido porque ele é verdadeiramente bom. Espero realmente que vocês o leiam e que reflitam sobre o assunto como eu refleti. ^^

Agora vamos para a classificação:

O conteúdo eu dei 8,0 justamente pelo impacto causado pelo leitor quando se depara com o modo da autora escrever. Se eu não fosse muito persistente teria  parado nas primeiras páginas.
Já a capa dei 8,0 linda a capa não acham? Mas na minha opinião ela mostra muito bem o dilema do livro,  só que de forma metafórica. Para entender a capa, o leitor tem que ler o livro para então fazer a relação. Mas apesar disso, ela chama muito a atenção e é criativa.
Por fim, a diagramação dei 8,0 já que as páginas são amarelinhas e as letras têm um tamanho mais do que excelente para a leitura. Por isso 4 lupinhas para o livro! \o

                                               

Bom por hoje  é só queridos! ^^
Obrigada por lerem minha resenha e comentem o que vocês acharam do livro, ok? 
Beijos grandes a todos vocês!
Até a próxima!
Mônica Monteiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar, Caçador(a)!
Volte Sempre!

Para postar links nos comentários, utilize o espaço correto:
1- Clique em Comentar Como:
2- Selecione a opção Nome/Url
3- Em nome, coloque o seu nome ou nick das redes sociais.
4 - Em Url, coloque o link do seu blog ou página das redes sociais.

Pronto, assim você comenta e ainda coloca os seus dados, sem fazer spam.

Para dúvidas, sugestões ou solicitação de informações, encaminhe email para: c.delivros@gmail.com

Caçadora de Livros. Todos os direitos reservados.©
Design e codificação por Sofisticado Design