20 de jun de 2016

[Divulgação] Exposição Osmar Santos em prol da Campanha #AdoteUmPetComDeficiencia

No período de 20 a 26 de junho, o Piola será a sede da exposição das Obras de Osmar Santos, cuja verba será revertida para a ONG APASFA, que mantém a Campanha #AdoteUmPetComDeficiencia. 

Fique por dentro da agenda:
  • 20.06, das 20h às 22h - coquetel de abertura;
  • 23.06, das 18h as 01h, parte da renda obtida com a venda de pizza no jantar será revertida para a ONG.

O Piola Jardins, esta localizado na Alameda Lorena, 1765, em São Paulo.

Engajada na defesa animal há mais de 10 anos, Vanessa Mesquita, madrinha do #AdoteUmPetComDeficiência, além de receber o artista Osmar Santos no dia 23, que expõem suas obras no Piola em prol da Campanha, vai apresentar a linha de acessórios #EuAjudei, que também tem a verba revertida para ajudar os Pets.
"Adotar um pet com deficiência é acreditar em dias melhores, em humanos melhores, estou de corpo e alma nessa luta, o amor supera qualquer deficiência", declara.

Sobre a Piola
Na PIOLA, a mais genuína tradição italiana de alimentos simples e gostosos casa inteligentemente com uma atenção particular (personalizada) dirigida ao cliente moderno e exigente, que não por casualidade escolhe a PIOLA, consciente de que se sentir em casa vale tanto quanto comer bem.

Pessoas de idade, classes sociais, profissões e estilos de vida profundamente diferentes se encontram na PIOLA, todos com a certeza de encontrar seu próprio espaço num ambiente sempre em equilíbrio com o bom gosto.

A cozinha que a PIOLA oferece é completamente italiana: saudável, simples e gostosa, que respeita as características que fizeram famosa a dieta mediterrânea em todo o mundo.

Sobre a Campanha #AdoteUmPetComDeficiencia
O objetivo da campanha, idealizada por Livia Clozel, e junto com os Defensores de Animais, Luiz Scalea e Giuliana Stafanini, do Proteção Animal, é uma só: criar um evento especialmente para Pets com Deficiência e Especiais, gerando a oportunidade única de unir outras ONGs e protetores e promover a adoção de seus Pets, uma vez que eles tem o menor indice de obterem um lar.

Todos os Pets para adoção devem ser cadastrados, vacinados e vermifugados. Após isso, entram para a seleção dos que vão participar de cada evento.

O objetivo é quebrar preconceitos, conscientizar e promover a adoção consciente, gerando conhecimento sobre o assunto e criando um elo entre as pessoas que desejam ter um companheiro de quatro patas que estão esperando por uma família.

Neste caso, o índice de adoção é minimo. A maioria dos Pets com deficiência participam de inúmeros eventos durante e acabam não sendo adotados, desta forma, acabam passando toda a vida, ou até a morte, no respectivo abrigo.

Em um evento de adoção convencional, 90% dos filhotes são adotados. Esta realidade é inversa e chega ao indice de +90% de não adoção aos Deficientes e Especiais.

São considerados Pets com Deficiência todos aqueles que apresentam problemas motores, mentais, renais, amputados, paraplégicos, cegos, que tomam medicações constantes, necessitam de tratamento periódico etc.

Os Pets Especiais são os de cor preta, a partir de 6 meses à idosos, que por sua vez que têm menor índice de adoção.

A  Campanha prova que um pet com deficiência tem uma vida normal: muitos deles não precisam sequer de acompanhamento médico por conta da deficiência, e todos são grandes companhias! Sem contar que, na verdade, o preconceito é que é uma deficiência e impede a adoção absoluta de qualquer tipo de animal!

Mais em https://web.facebook.com/adoteumpetcomdeficiencia/

Sobre a Luiz Proteção Animal

Há mais de 25 anos dedicada à causa de proteção animal, seu trabalho é apoiado nos seguintes pilares:
-       Fiscalização de maus tratos a animais;
-       Cursos e palestras sobre leis de proteção animal;
-       Resgates e esterilização de animais vítimas de maus tratos e abandono;
-       Feiras de adoção para recolocar animais abandonados em lares dignos;
-       Conscientização sobre posse responsável e direito dos animais;
-       Palestras em escolas com apresentação do nosso gibi educativo: "Luizinho e a Turma da Proteção Animal";
-       Participação em diversos meios de comunicação visando divulgar os direitos dos animais.
       
Luiz Proteção é representante da APASFA (Associação de Proteção Animal São Francisco de Assis).

17 de jun de 2016

[Divulgação] Seria o amor o mais perigoso dos jogos?


Livro Riscos no Amor, da manauara Josy L. Dias, retrata as dificuldades de amar alguém em quem não se pode confiar

A Editora Pandorga e a autora manauara Josy Dias convidam você para o lançamento do romance Riscos no Amor, que ocorrerá no dia 18/06, sábado. A sessão de autógrafo ocorrerá às 19 horas na livraria Sariava Mega Manaus do Shopping Manauara, localizado na Av. Mario Ypiranga Monteiro, 1300.
 
Poderia uma princesa de Nova York se apaixonar pelo maior cafajeste de todos os tempos? Riscos no Amor é o livro que vai responder a essa pergunta. Escrito pela autora Josy L. Dias, o enredo baseia-se na alta sociedade nova-iorquina e em suas extravagâncias.

            Na obra, a jovem arquiteta Elizabeth Ann Willams, uma mulher com fortes convicções sobre como se deve amar alguém, viaja à Cancún para o casamento da mãe com o famoso empreendedor irlandês Arthus Blinner III. Em meio às comemorações, ela conhece o filho mais novo do empresário, Brady Blinner.

            Convicto mulherengo, Brady nunca teve sentimentos matrimoniais pelas mulheres. Isso até ele conhecer Elizabeth, que nega veemente a atração que sente por ele, intrigando e instigando o rapaz a querer conhecê-la ainda mais.
Meu corpo estava em chamas e, só de sonhar com ele, eu estava a ponto de romper com tudo o que eu acreditava, para ir atrás do lobo, não do príncipe. Ele me fazia perder o juízo do certo e errado. Eu não podia mais pensar em ficar perto dele. Que semana seria essa? Onde eu fui me meter?.”

            Em meio a tantos riscos, Liza será capaz de se deixar envolver por um homem incerto? Ou deixará de viver um grande amor para proteger o coração, as morais e a honra? Com uma escrita rápida, o romance Riscos no Amor proporciona ao leitor um vislumbre da elite norte-americana, de intrigas internacionais e, acima de tudo, de uma paixão avassaladora.
Sobre a autora: Josy L. Dias ama livros, adora ficar horas perdida em meio a histórias e romances, onde, a cada dia, se apaixona mais pelo mundo particular que cada livro oferece. Escrever histórias e criar personagens a completa, pois assim ela consegue demonstrar o que deseja e imagina através das palavras. Ela nasceu em Manaus, em meio a Floresta Amazônica, onde mora com o marido e um casal de filhos. Amar a natureza e os animais é um dos fatores pelo qual adora a sua cidade e tem orgulho de tudo o que ela representa.

15 de jun de 2016

II Planeta de Leitores em São Luís com Bruno Miranda


Vem Julho! Vem Julho! :)
O primeiro encontro do Planeta de Leitores no Maranhão foi um sucesso - reveja cobertura aqui e vídeo final aqui! E o segundo tem tudo para bombar também ^^ 
O autor convidado da vez é o youtuber Bruno Miranda, com seu romance de estreia, Azeitonalivro-tema do bate-papo literário. Em breve a programação será liberada; por enquanto temos a confirmação de data: 16/julho - e será no mesmo local e horário, Livraria Leitura do São Luís Shopping, às 15h #savethedate
Estão mais do que convidados, estão intimados! Segue o link oficial do evento <3
Sobre o autor
Bruno Miranda estreou como booktuber em 2012, com o canal Minha Estante, tornando-se referência no gênero. Em 2015, passou a se dedicar exclusivamente ao canal Bubarim, de conteúdos humorísticos sobre cotidiano e cultura pop, que hoje tem mais de 100 mil inscritos, e no qual pôde juntar suas paixões: atuar e escrever roteiros. Azeitona é seu primeiro romance.
Sinopse do livro
Ian e Emília não trocaram mais que duas palavras desde que começaram a estudar juntos, mas é o nome dela que vem à mente dele quando precisa de uma parceira para um plano mirabolante: participar de um reality show sobre casais adolescentes que vão ser pais. Isso em troca de um cachê capaz de resolver todos os seus problemas.
Ian tem dezesseis anos e foi criado pela irmã, Iris, que precisou abrir mão de oportunidades na vida para cuidar dele. Agora, quando ela finalmente vai conseguir se formar na faculdade, ele se sente na obrigação de retribuir de alguma maneira.
Emília, aos dezessete anos, não quer retribuir nada a ninguém – pelo contrário, seu sonho é sair de casa o quanto antes para não discutir mais com a mãe, com quem sempre teve uma relação conturbada.
O fato de que eles não são um casal nem têm planos de ter um bebê de verdade parece apenas um detalhe. Mas a vida reserva surpresas, nem sempre boas, para quem acredita que é fácil inventar a própria história.
O romance de estreia de Bruno Miranda, criador do canal Bubarim, no Youtube, é uma história divertida e tocante sobre relacionamentos familiares.
Adicione o livro no seu skoob!
Ouça a leitura do primeiro capítulo interpretada pelo próprio autor :)

Sobre o Clube do Livro Maranhão
O Clube do Livro Maranhão é um projeto sem fins lucrativos que reúne cidadãos da comunidade leitora maranhense em encontros culturais, como eventos literários, seminários, oficinas e outros, com o objetivo de proporcionar oportunidades de desenvolvimento sociocultural através de um intercâmbio de conhecimento; recentemente, inclusive, foi certificado como Ponto de Cultura pelo Ministério da Cultura (MinC). Na confraternização com os leitores, o Clube agrupa um público de jovens e adultos antes dispersos, de modo que incentiva, impulsiona e integra diversas atividades culturais a partir da leitura e entretenimento – como o cinema, as artes plásticas, as artes cênicas, além de toda disseminação e divulgação de obras literárias, artísticas e culturais.
Planeta de Leitores MA
Dia: 16/jul
Local: Livraria Leitura – do São Luís Shopping
Horário: 15h às 17h - Entrada Franca

Se vai ter cobertura do Dear Book? Claro e com certeza!



Acompanhe pelas redes sociais para ficar por dentro
#clubedolivroma #planetadeleitores
#planetadeleitoresma #maranhãodeleitores

Curta o Clube do Livro - MA no Facebook
Siga o @ClubedoLivroMA no Twitter e Instagram

14 de jun de 2016

[Divulgação] Uma batalha verídica contra a escoliose

Bom dia, caçadores!
Gostei muito da divulgação hoje, afinal também tenho escoliose e sei como esse desvio pode prejudicar e muito as nossas atividades rotineiras.
E quando a Lilian Comunica enviou o release, lógico que seria publicado.

Quando o céu se apaga relata a história da autora maceioense Mirian Vidal, em uma luta eterna contra a doença, e a aceitação de que é possível sim, ser muito feliz e aproveitar o melhor da vida...
“Sou deformada. Eu estou aqui, e minha coluna, no Japão, e se você estiver lendo isso no Japão, tenha certeza de que minha coluna estará no Brasil. Meu corpo era meu inimigo. Minha doença iria me consumir até eu perder todos os movimentos. Não havia como corrigir a coluna, apenas esperar que ela evoluísse. A coluna era uma bomba acionada para apagar todos os meus órgãos.” (p. 18)
Baseando-se na própria história, a publicitária Mirian Vidal escreveu o livro Quando o céu se apaga, uma narrativa encantadora que demonstra o dia-a-dia de uma pessoa com escoliose, e a superação e aceitação da doença e do próprio corpo.
A autora revela nas páginas do livro os sentimentos que teve quando descobriu a doença, recebeu o diagnóstico de que não teria cura e não seria possível realizar a cirurgia de correção da coluna. E, no meio disso tudo, ela encanta os leitores com a mensagem sincera de otimismo pela vida.
A história gira em torno de uma personagem anônima, que não tem a identidade revelada até o final da obra. Logo no início, a jovem garota percebe que era diferente das outras crianças. Enquanto as amigas cresciam e desenvolviam figuras bonitas e femininas, a personagem nota que o próprio corpo permanece pequeno e amassado.
“Só que a única coisa que eu queria era sair daquele lugar, ser uma adolescente, com corpo de adolescente...” (p. 74)
Conforme cresce, a heroína relata aos leitores todos os lados da escoliose, seja no pensamento e preocupações da família, na forma como ela se sente no próprio corpo doente e como as outras pessoas olham – com pena, desprezo ou nojo – para a personagem.
Agora as coisas começavam a fazer sentido. Entendi que aspessoas não me olhavam apenas porque eu estava na cadeira derodas, entendi porque não tinha amigos na escola, entendi porque a Suelen me olhava com aqueles olhos de desprezo e uma espécie de nojo. Os olhares assustados que me acompanhavam agora faziam todo o sentido. [...]Eu própria estava assustada com o que via na minha frente. Alguém tão pequeno, amassado. Era o mesmo terror que ver um carro totalmente destruído na estrada, a única diferença é que eu não tinha um acidente para justificar aquela imagem. Parecia que a cada dia que eu ia dormir, algo no meu corpo se revoltava.” (p. 117)
            Afinal, ela precisa aceitar que cada dia é um desafio. Cada noite é uma superação e toda vida é valiosa. Por mais ínfimos que sejam os momentos, a vida é baseada em sentimentos, lembranças e sensações. Afinal, como a própria autora expõe na obra, “Eu viveria aquele dia. Eu enfrentaria muitas outras batalhas. Eu seria famosa por conta de todas aquelas guerras. Mas naquele instante. Eu esqueceria o passado. Eu esqueceria o futuro. Eu viveria o presente. Intensamente”.
Sobre a autora: Mirian Vidal nasceu em 1989, na cidade de Maceió - AL, mas, atualmente, vive em São Paulo. É formada em Publicidade e Propaganda e escreve contos desde seus 7 anos. Quando o céu se apaga é seu primeiro livro e começou a escrevê-lo para presentear uma amiga, sem nenhuma intenção de publicá-lo. Viveu algumas das coisas que escreveu e fantasiou outras. É apaixonada pela sua família, por seus amigos, livros, conversas, cinema e música de desenhos animados.

Ficha técnica:Quando o céu se apagaFormato: 14x21 cm
Páginas: 256
ISBN: 978-85-8442-116-9
Preço: R$ 29,90
Caçadora de Livros. Todos os direitos reservados.©
Design e codificação por Sofisticado Design