quinta-feira, julho 02, 2015

After Depois da Verdade (Anna Todd) @EditoraParalela

Boa tarde caçadores!
Tudo bem com vocês?
Gente, eu tentei! Juro que tentei! Tentei com todas as forças! Sério!
Mas, depois do primeiro livro, o segundo livro consegue fazer com que você tome uma decisão.
Conheçam:

Média do Skoob: 3.9
Classificação: Duas lupinhas

Há quem ame e há quem odeie. Eu não amei!

Tessa no primeiro livro já dava indícios de vivenciar um relacionamento carregado de abusos, pois Hardin pode até ser o mais lindo homem do mundo ( na visão da sua criadora), mas a partir do momento que desrespeita a namorada e é um escroto com todas as letras em negrito, caixa alta e sublinhado, passa a ser o homem mais feio da face da terra, além de um babaca ou outra palavra que você leitor pode colocar no lugar.

Ele contou tudo... Tipo, tudo mesmo...
p.09
 Hardin esta o tempo todo só usando a Tessa. Ele fez coisas que não tenho coragem de contar!
p.13
Não consigo entender como a minha vida chegou a este ponto, como isso foi acontecer.
p.15

quarta-feira, julho 01, 2015

A FLIP Começou! @ciadasletras

 
Festa Literária Internacional de Paraty

De 1 a 5 de julho, Paraty recebe autores nacionais e internacionais para mais uma FLIP.
Confira a participação dos autores do Grupo Companhia das Letras na programação principal da festa e nos eventos paralelos:
Programação principal (Tenda dos autores)
  • Mesa “A cidade e o território”
    Quinta-feira, 2 de julho, às 10h
    Eucanaã Ferraz, autor de Escuta, participa de mesa com Antonio Risério.
  • Encontro com Colm Tóibín
    Quinta-feira, 2 de julho, às 19h30
    Colm Tóibín, que acaba de lançar Nora Webster no Brasil, volta pela segunda vez à FLIP em um encontro com o público.
  • Mesa “São Paulo! comoção de minha vida…”
    Sexta-feira, 3 de julho, às 12h
    Roberto Pompeu de Toledo, autor de A capital da vertigem, e Carlos Augusto Calil fazem uma mesa em homenagem à São Paulo de Mário de Andrade.
  • Brasil: Uma aula
    Sexta-feira, 3 de julho, às 13h30
    Lilia Moritz Schwarcz e Heloisa M. Starling sintetizam quinhentos anos de Brasil em uma aula baseada no livro Brasil: Uma biografia.
  • Mesa “As ilusões da mente”
    Sexta-feira, 3 de julho, às 15h
    O economista Eduardo Giannetti conversa com o neurocientista Sidarta Ribeiro sobre cérebro, mente, as poucas certezas e as muitas ilusões da alma.
  • Mesa “Escrever ao sul”
    Sexta-feira, 3 de julho, às 17h15
    Ngũgĩ wa Thiong’o, autor de Um grão de trigo, vem pela primeira vez ao país e divide a mesa com Richard Flanagan sobre identidade nacional em países do Hemisfério Sul.
  • Mesa “Os imoraes”
    Sexta-feira, 3 de julho, às 21h30
    Reinaldo Moraes e Eliane Robert Moraes conversam em mesa sobre literatura erótica e pornográfica.
  • Mesa “De balões e blasfêmias”
    Sábado, 4 de julho, às 15h
    Rafael Campos Rocha, autor de Deus, essa gostosa, participa de mesa com Riad Sattouf e Plantu sobre quadrinhos.
  • Mesa “Desperdiçando verso”
    Sábado, 4 de julho, às 21h30
    Arnaldo Antunes, que acaba de lançar o livro Agora aqui ninguém precisa de si, divide a mesa sobre poesia com Karina Buhr.
  • Conferência de encerramento
    Domingo, 5 de julho, às 14h
    José Miguel Wisnik faz a conferência de encerramento da FLIP em uma mesa sobre a obra de Mário de Andrade.
  • Livro de cabeceira
    Domingo, 4 de julho, às 16h
    Os autores convidados voltam ao palco para a leitura de trechos de seus livros favoritos.

Sussurro (Becca Fitzpatrick) @intrinseca

Ed. Intrínseca
Média no Skoob 4.4
3 lupinhas

Nora Grey é mais um estereótipo de personagem sem graça, menina ingênua, família, que não tem a mínima probabilidade de se meter em confusão, mas, por incrível que pareça, ela acaba se tornando o centro das atenções dos personagens maus.

A querida e doce Grey nunca se apaixonou na vida e jamais se sentiu atraída por algum garoto da escola, até que Patch chega e muda esse cenário. Mesmo a garota sendo contra isso, ela aos poucos vai se sentindo mais atraída pelo misterioso rapaz, aquele que tem os músculos fortes, cabelos cacheados e um poder de sedução enorme.

Vee, melhor amiga de Grey, aquela que é loira e gostosona tenta alavancar as coisas, mas depois de alguns acontecimentos bizarros, Nora não sabe mais se pode confiar nas pessoas ao seu redor, principalmente em Patch, pois ele sabe demais, mais do que deveria. Talvez porque ele seja um anjo caído e a Nora não saiba.

As coisas vão se desenrolando meio clichê até Nora descobrir que os anjos caídos estão lutando contra os imortais. Muitas perguntas surgem, mas poucas respostas aparecem e Nora se vê inclusa nessa batalha que dura séculos.

Como disse anteriormente, o livro é cheio de personagens clichês e sua história, em geral, também não é muito inovadora. Entretanto, é uma leitura rápida e você se sente um adolescente novamente, como na época em que Crepúsculo foi lançado.


"Eu não conseguia afirmar exatamente o que, mas algo em Patch não era correto. Algo nele não era normal. Algo não era...Seguro."


terça-feira, junho 30, 2015

Um experimento chamado homem (Nelson F. Fontoura) @editoralumos

Hey Caçadores!
Eu sou a Carol, nova colunista do CDL. |º/
E hoje apresento o livro:

Skoob
Média do Skoob: 3.8
Cortesia da Editora Lumos
Classificação do blog: 3 lupinhas.

Nessa obra o autor compartilha um pouco da visão de mundo, abordando temas com evolução, sociedade atual, o cotidiano, sentimentos, entre outros. Tudo isso na perspectiva de um ser do planeta Kao, seu nome é Marek, atualmente ele está em uma nave com alguns pesquisadores Kaônicos, os quais observam o planeta Terra, nossa evolução, métodos e doutrinas.

Marek nos mostra uma retrospectiva de sua vida, do seu período na universidade, suas experiências, suas descobertas, suas frustrações, ele conhece Kalen com quem desenvolve um relacionamento sério durante sua vida universitária.
"O amor e a emoção estão presentes em todas as espécies inteligentes e tecnológicas do universo. Seres inteligentes e frios, sem emoção, não existem no universo real, apenas na ficção cientifica"

O amor, carinho, fidelidade, atração tudo isso é descrito por Marek, como sentimentos comuns existentes em ambos os planetas. A magia do amor também se extingue, ciúmes, possessão, sentimentos que destroem relacionamentos também se faz presente, Marek foi prova de tudo isso, seu relacionamento não aguenta e se rompe e com eles as mágoas e atitudes impensadas que ele toma mais adiante, põe em risco sua saúde e sua sanidade.
"Por fim tudo passou. Tudo sempre passa. Ficam as cicatrizes das feridas profundas. Ficam as lembranças dos momentos especiais. Fica a maturidade conquistada na dor"  
A obra é um breve apanhado de informações, reflexões e emoções sobre a humanidade e outras espécies, comportamento, inteligência e suas falhas. Sendo uma Ficção Científica, senti que a caracterização do personagem ficou um pouco de lado, o que fez com que eu não ligasse tanto pra ele, mas a leitura é leve e instrutiva.
Recebi o ebook, por isso não posso analisar a diagramação, mas por tudo que falei acima, a obra levou:


quarta-feira, junho 24, 2015

[Divulgação] O Mistério de Xibalba

  Para os caçadores de São Paulo:



 Dia 25 de junho de 2015, quinta-feira, das 18h às 21h30

Assista ao trailer do livro O Mistério de Xibalba: